Imprensa

 
Início das obras do Autódromo Internacional da Bahia é celebrado em São Francisco do Conde
A data será lembrada para sempre pelos amantes do Esporte a motor como a realização de um sonho, o da construção do primeiro Autódromo Multiuso do Brasil
 
A Federação de Automobilismo da Bahia (FAB) iniciou mais uma página da história do esporte baiano. A data que será lembrada para sempre pelos amantes do esporte a motor é 17 de março de 2015, dia em que foi iniciada a construção do primeiro Autódromo Multiuso brasileiro, localizado em São Francisco do Conde, no Recôncavo Baiano. Na ocasião, foi feita a assinatura da ordem de serviços para a 1ª fase das obras do complexo esportivo.
 
A solenidade, que emocionou os amantes do automobilismo baiano, contou com a participação do prefeito de São Francisco do Conde, Evandro Almeida, do secretário estadual do Trabalho e Esporte, Álvaro Gomes, que representou o Governo de Estado; da presidente da FAB, Selma Morais; do deputado estadual Rosemberg Pinto; da presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Maria Quitéria; do presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), Clayton Pinteiro, várias autoridades e representantes dos diversos clubes de automobilismo da Bahia, que visitaram o canteiro de obras.
 
A presidente da FAB ressaltou a função multiuso do complexo esportivo. “No local poderão acontecer festivais, shows, apresentações de teatro, dança e também servir de escola profissionalizante para preparadores e mecânicos de motores”. Ela e os presentes lembraram do papel visionário da prefeita Rilza Valentim, que enxergou no projeto uma oportunidade de impulsionar o turismo local, aliada a geração de emprego e Renda.
 
O projeto
 
Os trabalhos iniciais começaram pelo circuito de Velocidade na Terra, que vai utilizar cerca de 140 mil metros quadrados de área, dos 800 mil que a Prefeitura de São Francisco do Conde doou à Federação de Automobilismo da Bahia.
 
A 1ª. fase do projeto engloba, ainda, a construção do Kartódromo Internacional da Bahia, que substituirá o antigo Kartódromo Ayrton Senna, que existia em Lauro de Freitas. Essa obra começará assim que o Governo do Estado da Bahia autorize a suplementação orçamentária do FazAtleta, para que a empresa Petrobahia possa fazer o aporte financeiro para a construção do kartódromo, que ocupará cerca de 60 mil metros quadrados de área.
 
A 2ª fase do do projeto será o Autódromo de Velocidade, que terá um circuito de 4.200 metros de extensão. Essa etapa da obra está dependendo de novos parceiros, que a Federação de Automobilismo da Bahia pretende buscar o mais rápido possível. Enquanto isso, os trabalhos serão acelerados para que toda a primeira etapa seja concluída dentro de no máximo um ano.
 
A pista de Arrancada, que será construída ao lado do complexo de Velocidade na Terra, terá a dimensão oficial par abrigar as competições estaduais e nacionais dessa importante modalidade esportiva.
 
A previsão é que nos próximos dias 01, 02 e 03 de Maio aconteça o primeiro evento no circuito de Velocidade na Terra, mas envolvendo os diversos clubes de automobilismo com suas diferentes modalidades esportivas.
 
De acordo com a Prefeitura de São Francisco do Conde, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, responsável direto pelo projeto, as máquinas estarão trabalhando fortemente, para que o cronograma seja cumprido e as atividades no complexo começam o mais rápido possível.